Terço Milagroso das 3 Marias - Maria Passa na Frente, N Sra Desatadora dos Nós, N Sra Desterro

Maria Passa na Frente

Em nome do Pai, do Filho
e do Espírito Santo.

Creio em Deus Pai Todo-Poderoso,
criador do céu e da terra;
E em Jesus Cristo,
seu único Filho nosso Senhor;
Que foi concebido pelo poder do Espírito Santo;
Nasceu da Virgem Maria,
padeceu sob Pôncio Pilatos,
foi crucificado,
morto e sepultado;
desceu à mansão dos mortos;
Ressuscitou ao terceiro dia;
subiu aos céus,
Está sentado à direita de Deus Pai Todo-Poderoso,
Donde há de vir julgar os vivos e os mortos.
Creio no Espírito Santo,
na Santa Igreja Católica,
Na Comunhão dos Santos,
na remissão dos pecados,
Na ressurreição da carne,
na vida eterna.
Amém.


Pai Nosso que estais no céus,
santificado seja o vosso nome;
Venha a nós o vosso reino,
seja feita a vossa vontade,
assim na terra como no céu.
O pão nosso de cada dia nos dai hoje,
perdoai as nossas ofensas,
Assim como nós perdoamos
a quem nos tem ofendido,
E não nos deixeis cair em tentação,
mas livrai-nos do mal.
Amém.


Ave Maria, cheia de graça,
o Senhor é convosco.
Be…

Parábola da Vaca e o Precipício


Seja bem vindo ao Canal Orações Espiritualistas, se inscreva em nosso canal e clique em gostei e ative o sininho para receber avisos das novas orações.

PARÁBOLA
DA
VACA
E O
PRECIPÍCIO

Um sábio mestre
e seu discípulo
andavam pelo
interior do país
há muitos dias
e procuravam um lugar
para descansar
durante a noite.

Avistaram, então,
um casebre no alto
de uma colina e resolveram
pedir abrigo àquela noite.

Ao chegarem ao casebre,
foram recebidos pelo dono,
um senhor maltrapilho
e cansado.

Ele os convidou a entrar,
e apresentou sua esposa
e seus três filhos.

Durante o jantar,
o discípulo percebeu
que a comida era
escassa até mesmo
para somente os quatro
membros da família,
e ficou penalizado
com a situação.

Olhando para
aqueles rostos cansados
e subnutridos,
perguntou ao dono
como eles se sustentavam.

O senhor respondeu
que possuiam uma vaca.

Dela tiravam o leite que
consumiam
e faziam queijo.

O pouco de leite
que sobrava,
trocavam por
outras mercadorias
na cidade.

Sendo a vaca sua fonte
de renda e de vida,
conseguiam viver com
o que ela fornecia.

O discípulo olhou para
o mestre que jantava
de cabeça baixa e
permaneceu em silêncio.

Mestre e discípulo
dormiram ali,
e depois partiram.

Algum tempo
depois da partida,
o mestre mandou
o discípulo voltar lá,
às escondidas,
e jogar a vaca
no precipício.

Muito surpreso,
o discípulo argumentou
como o mestre
poderia pedir isto.

Se ele não havia
visto a pobreza
de tão numerosa família,
e que seu único sustento
era a vaca.

E, ainda assim,
estava pedindo para jogar
a vaca no penhasco.

O mestre respondeu
que sim, mas manteve
a ordem.

Desorientado, o discípulo
decidiu atender o mestre,
no entanto,
 não conseguia fazê-lo,
sem sentir uma
enorme culpa.

Mesmo assim,
ele obedeceu
seu mestre.

Passado algum tempo,
o discípulo que ainda
sentia remorso pelo
que havia feito,
decidiu abandonar
seu mestre e
visitar àquela família.

Voltando a região,
avistou de longe
a colina onde ficava
o casebre,
e olhou espantado
para uma bela casa
que havia em seu lugar.

De certo,
após a morte da vaca,
ficaram tão pobres
e desesperados
que tiveram que vender
a propriedade para
alguém mais rico,
pensou o discípulo.

Aproximou-se
da casa e,
entrando pelo portão,
viu uma pessoa
e lhe perguntou
se sabia onde
estava a família
que morou
ali.

Eles ainda moram aqui,
estão nos jardins,
respondeu,
apontando para
frente da casa.

Incrédulo, o discípulo
foi até os jardins
e reconheceu o mesmo
homem de antes,
só que mais forte e altivo,
a mulher mais feliz,
as crianças se tornaram
adolescentes saudáveis.

Espantado,
ele perguntou ao homem
o que havia ocorrido,
pois melhoraram muito
depois da visita que
ele havia feito com
seu mestre.

O homem olhou
para o discípulo,
e respondeu sorrindo
que a vaquinha
que lhes dava
sustento havia
caído no precipício
e morrido.

Depois disso,
pensamos em
também nos
jogar do abismo,
mas abandonamos
essa ideia.

Passamos períodos
difíceis, mas não tivemos
outra escolha,
senão enfrentar
as adversidades e lutar
para sobreviver.

Assim,
tivemos a oportunidade
de crescer e desenvolver
habilidades que nem
imaginávamos
que tínhamos,
o que nos tornou
prósperos e
felizes.

Moral da História:

PARA CRESCER
E EVOLUIR
É PRECISO
SAIR DA SUA
ZONA DE CONFORTO!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Credo Testificado - A Reza Mais Poderosa e Eficaz Contra Feitiços e Bruxaria